Posso lhe ajudar?

16 Mar 2018

 

Todos sabemos que o pronome te se refere à segunda pessoa, tu, e portanto não deve ser usado junto com o você, que se refere à terceira. Mas nada disso nos impede de usá-lo diariamente nas nossas conversas, claro.

 

Momentos há, porém, em que precisamos elevar nosso nível de linguagem, e a primeira providência que tomamos é remover qualquer vestígio da segunda pessoa do discurso: é preciso substituir o te por...

 

Se você assiste a novelas de época da Globo, com certeza vai querer substituí-lo exclusivamente por lhe, e muito naturalmente vai escrever: “Eu lhe convidei muitas vezes”, “Posso lhe ajudar?” ou “Ela vai lhe visitar amanhã”.

 

E assim jogamos fora tudo o que aprendemos e lemos em língua portuguesa, esquecendo-nos de que o objeto direto na terceira pessoa pede os pronomes o(s) e a(s), além de suas variantes lo(s), la(s), no(s) e na(s). As frases acima deveriam ser:

 

  • Eu a convidei muitas vezes.

  • Posso ajudá-lo?

  • Ela vai visitá-lo amanhã.

 

ou mais informalmente:

 

  • Eu convidei você muitas vezes.

  • Posso ajudar você?

  • Ela vai visitar você amanhã.

 

Minha intenção aqui não é explicar a diferença entre objeto direto e objeto indireto, ou o uso dos pronomes oblíquos. Gostaria simplesmente de pedir: ou assuma a informalidade e use o te, pronome extremamente comum no Brasil, ou use corretamente os pronomes que a língua nos oferece. Não cometa um erro para escapar de outro.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload

Arquivo
Busca por tags
Posts recentes

March 16, 2018

March 1, 2018

February 26, 2018

February 21, 2018

Please reload

  • Facebook Revedoria
  • Instagram
Siga-nos!
Please reload